Make your own free website on Tripod.com

 

 

UM DIA, POR AÍ...

 

Um dia a gente se vê
e se olha nos olhos
como quem não quer nada.

Um dia, depois,
a gente se olha mais fundo nos olhos
e sente uma coisa profunda
a despertar desejos de se ter.

E mutuamente a gente entende
ser cúmplice no silêncio de se amar demais
de se perder de vez nos próprios olhos.

E então começa na gente,
esta coisa linda que é se querer a todo instante
e compartilhar da mesma escova de dentes.

De repente, um dia, sem perceber,
a gente se quer para estar junto de vez
e dividir a água sob o mesmo chuveiro.

E é então que me encontro pleno,
porque te tenho assim
e porque te desejo para mim tão assim
até misturarmos para sempre
a brancura de nossas cabeças tão iguais.

       Luiz de Aquino

          Voltar